Fórum dos Presas de Prata - Jogos On-Line

Últimos assuntos

» Capitulo 1: As Sombras de Barovia
Qui 2 Mar 2017 - 22:52 por T´ssis Tor Gak

» Rolagens
Qua 22 Fev 2017 - 0:49 por Haseid Dumein

» Rolagens
Qua 22 Fev 2017 - 0:43 por Qui gon jinn

» 4a Crônica de Skundar: O Chamado para o Heroismo
Dom 19 Fev 2017 - 20:19 por Space Master

» 1a Cronica de Qui-Gonn:
Dom 19 Fev 2017 - 20:14 por Space Master

» Delegacias de Polícia de Nova York
Qua 14 Dez 2016 - 21:19 por NPC

» Hotel Warwick
Qua 14 Dez 2016 - 21:14 por NPC

» Casa de Chá de Jade
Qua 14 Dez 2016 - 21:12 por Kumiku Hayabusa

» Cabana dos Theurge da Seita do Caern do Urso
Qui 8 Dez 2016 - 22:57 por Vento Cortante

» 1a Crônica de Anouk
Qui 3 Nov 2016 - 9:53 por Space Master

» ATIVIDADE NO NARRADOR
Ter 25 Out 2016 - 22:17 por NPC

» Urru Stoneblade - PC
Seg 26 Set 2016 - 19:20 por Urru Stoneblade

» Coração do Caern - Clareira - Caern do Lobo Fenris
Qui 8 Set 2016 - 19:57 por NPC

» 3a Crônica de Dacrius: Nos limites do orgulho
Qui 8 Set 2016 - 13:02 por Space Master

» Coração do Caern - Clareira - Caern do Urso
Ter 6 Set 2016 - 22:04 por NPC

» Resumo: A Saga de Urdnot Skundar
Ter 30 Ago 2016 - 19:56 por Space Master

» Dacrius Novadek - PC
Seg 29 Ago 2016 - 18:39 por Dacrius

» Urdnot Skundar - PC
Dom 28 Ago 2016 - 0:17 por Skundar

» Resumo: A Saga do Agente Dacrius
Sab 27 Ago 2016 - 15:31 por Space Master

» Anouk - PC
Sex 26 Ago 2016 - 20:12 por Anouk

» Qui-Gon Jinn - PC
Qui 25 Ago 2016 - 16:18 por Qui gon jinn

» Tabela de Gastos de XP
Ter 23 Ago 2016 - 19:01 por Space Master

» Modelo de Ficha e Criação de Personagem
Ter 23 Ago 2016 - 19:00 por Space Master

» Arsenal: Armas e Equipamentos
Ter 23 Ago 2016 - 18:33 por Space Master

» Fatos Históricos.
Ter 23 Ago 2016 - 18:13 por Space Master

» Qualidades Novas
Ter 23 Ago 2016 - 17:40 por Space Master

» Raças Jogáveis
Ter 23 Ago 2016 - 17:35 por Space Master

» Organizações de Destaque
Ter 23 Ago 2016 - 17:01 por Space Master

» Lugares de Destaque
Ter 23 Ago 2016 - 16:58 por Space Master

» Reino Fluxo
Ter 23 Ago 2016 - 14:54 por NPC

» Caern do Central Parque - Seita Verde
Qui 18 Ago 2016 - 7:44 por NPC

» Verrikan Investigations
Ter 16 Ago 2016 - 10:15 por NPC

» Floresta de Pinheiros - Centro - Caern do Lobo Fenris
Ter 5 Jul 2016 - 23:08 por NPC

» Colmeia da Wyrm
Sex 24 Jun 2016 - 20:26 por NPC

» Central Park
Qua 18 Maio 2016 - 14:06 por NPC

» Residência de Skelter
Sex 6 Maio 2016 - 1:22 por NPC

» Chinatown de Virtual City
Sex 6 Maio 2016 - 1:15 por NPC

» Entrada do Caern do Incarna do Falcão - Floresta de Pinheiros
Seg 18 Abr 2016 - 8:28 por NPC

» Hotel Imperial Palace - Refúgio Alexander Corvinus
Qua 13 Abr 2016 - 17:57 por NPC

» Refúgio de Miliard Von Doon
Qua 13 Abr 2016 - 17:56 por NPC

Os membros mais ativos da semana

Os membros mais ativos do mês

Julho 2017

DomSegTerQuaQuiSexSab
      1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031     

Calendário Calendário


LAZARO BUENO ALVAREZ - PC

Compartilhe
avatar
Lázaro Bueno
Intermediários
Intermediários

Mensagens : 149
Data de inscrição : 02/11/2015

LAZARO BUENO ALVAREZ - PC

Mensagem por Lázaro Bueno em Seg 2 Nov 2015 - 22:22

Nome do Personagem: Lázaro Bueno Álvarez "Buddy" ou "Espanhol"
Nome do Jogador: Luiz Gonzaga
Natureza: Sobrevivente
Comportamento: Competidor
Clã: Brujah
Geração: oitava
Refúgio: QG do cartel mexicano
Conceito: Soldado Anarquista
Senhor: Santiago DeSoto (Brujah Antitribu)
Idade Aparente: 45 anos
Nascimento: 1893
Abraço: 1938 Durante a revolução espanhola.

Atributos - Físicos (5PB)
Força: 5 (mãos firmes, potência)
Destreza: 2
Vigor: 5 (Absorver impactos)

Atributos - Sociais
Carisma: ●●●
Manipulação: ●●
Aparência: ●

Atributos - Mentais
Percepção: ●●
Inteligência: ●●
Raciocínio: ●●●● (Raciocínio rápido)

Habilidades - Talentos (12 PB) (4pb hist)

Prontidão: ●●
Esportes:●●
Briga:●●●●● (M.M.A, Golpes em pontos vitais)
Empatia:●
Expressão: ●●
Intimidação: ●●
Liderança: ●●●
Manha:●●
Lábia: ●●

Habilidades - Perícias (8PB)

Empatia com Animais:
Ofícios: ●
Condução: ●
Etiqueta:
Armas de Fogo: ●●●●● (Fuzil e Pistolas)
Armas Brancas: ●
Performance:●
Furtividade: ●●
Sobrevivência:●●

Habilidades - Conhecimentos (6PB)

Acadêmicos: ●
Computação:
Finanças: ●
Investigação: ●
Direito:●
Medicina:
Lingüística: ● (Inglês e Espanhol)
Ocultismo: ●
Política:●
Ciência:
Tecnologia:

Outras características: (4 PB hist.)
Conhecimento de seita Sabá: ●●
Conhect. de seita camarilla: ●●

Antecedentes (36PB)

Refúgio: 5
Aliados: 5(quatro irmãos de sangue pertencentes ao cartel e Salvador Garcia)
Domínio: 2 (Guetos sobre influência de cartéis mexicanos)
Contatos: 4 (Cartel mexicano Los zetas, traficante de armas, empresa de lixo, gráfica do governo)
Geração: 5
Influência: 3 (ruas, máfia, tráfico)
Carniçal: 3 (Dorina, Benedit "Benne", Falcone)
Mentor: 2 (Salvador Garcia)
Recursos: 5
Status anarquistas: 1
Prestígio de Clã: 2
Força Militar: 5

Disciplinas (42 PB) (7 Bônus história)

Presença: 2
Rapidez: 4
Potência: 3
Fortitude: 3
Auspícios: 1

Meta disciplina: Fúria ardente

LIVRO DO CLÃ: BRUJAH

FÚRIA ARDENTE (RAPIDEZ •••, POTÊNCIA •••)
A origem desse poder é desconhecida pelos Brujah, embora muitos membros guerreiros tenham aprendido o segredo. Na verdade, seu uso está bastante disseminado, principalmente entre as fileiras mais agressivas do clã.
Quando ativa esse poder, o Brujah torna-se capaz de atingir um inimigo várias vezes seguidas com um poder devastador – cada soco ou chute realmente atinge o inimigo múltiplas vezes e todas elas com a potência total da força sobrenatural do Brujah.
O sangue usado durante a ativação desse poder também faz a carne do vampiro adquirir um tom vermelho intenso. Em alguns casos, ondas visíveis de calor sangüíneo emanam de seu corpo ou uma névoa vermelha o envolve.
Sistema: o jogador gasta um ponto de sangue cada vez que usa Fúria Ardente, independente de o personagem atingir ou não o alvo. No próximo ataque do vampiro, todo o dano causado pela briga é agravado, incluindo o dano causado pelos sucessos extras devido à Potência.
Fúria Ardente pode ser usado várias vezes em um único turno, em ações dividas ou de Rapidez, desde que o jogador gaste o ponto de sangue exigido para cada ataque.


Virtudes

Convicção: ●●
Instinto: ●●●
Coragem: ●●●●●

Humanidade: ●●●●●







Qualidade (4PB)
Corpo grande 4
Vontade de ferro 3
Ambidestro 1
Conexão com submundo 3

Defeitos
Bairrismo 2(Área da máfia)
Aperto dos amaldiçoados 4
Inimigos 1

Aliados: Lázaro manteve todos os seus irmãos vivos, mesmo a vida sendo dura para com eles, em troca seus irmãos aceitaram fazer parte de seu esquema que vem dando certo desde então.

São eles: Pedro, Pablo, Francisco e Augusto.

PEDRO é o segundo irmão de Lázaro e um Gangrel perito em carniçais animais, praticamente todo seu tempo vago dedica a eles. Faz parte do negócio da família, mas não tem muita paciência para se envolver de forma direta, ajudando no que pode cedendo o treinamento aos animais a Wyrm tanto zela.

PABLO é o segundo irmão de Lázaro e um caitiff perito em rifles de longa distância, explosivos e carros, na verdade essa é sua maior paixão. Seu senhor era um La Sombra, morto na guerra civil espanhola, mas para Pablo que não seguiu seu caminho, aprendeu tudo sozinho, ele tem um conhecimento da disciplina de seu senhor, apesar de não domina-la com a perfeição de um La Sombra. É um cara completamente sem modos, mas respeita seu irmão e honra com sua lealdade.

FRANCISCO é um brujah tal qual Lázaro, mas a fúria brujah não parece ter tomado sua mente completamente (Temperamento calmo), geralmente consegue se segurar bastante e trabalha muito bem sobre pressão.
Se aperfeiçoou em computadores, negociações e blessé, é o tipo galanteador, controla alguns clubes noturnos que gera renda para família.

AUGUSTO era o mais bonito dentre os cinco irmãos, mas seu abraço tirou isso de si, deformando por completo a sua beleza.
Sua aparência é tal qual um rato branco gigante, porém sem os pelos.
O que a vida lhe tirou, sobrou em esperteza, durante toda sua não vida se especializou na arte dos nosferatu de se esconder e parecer com outras pessoas.
Durante todo o tempo seu corpo e rosto é coberto, Augusto só é visto quando quer. É perito em segurança e cuida dela com todo cuidado.
Também é um assassino tão perigoso quanto um assamita.
Recentemente desenvolveu a capacidade de esconder não só a si como algumas outras pessoas. É um perfeito gatuno.

Outro aliado a parte é Salvador Garcia, vide  livro de receitas anarquistas.




Carniçais: Ao passar do tempo, o grupo se viu na necessidade de adquirir humanos que auxiliassem na manteneção da família. São estes: Dorina, Benne e Falcone.

DORINA é formada em finanças, além de ser uma hacker de mão cheia e quando trabalha junto com Francisco, não tem pra ninguém. É uma mulher gorda, com cerca de quarenta e cinco anos. Auxilia o grupo com seu conhecimento de mercado e geralmente aconselha Lázaro onde e como investir, além de cuidar com muita cautela das finanças da família.

BENEDICT "Benne" apesar do nome, é uma mulher de aparência latina. Durante um bom tempo de sua vida foi militar e sabe como lidar com isso. Ajuda Lázaro no treinamento dos homens e cumpre ordens como ninguém, ela é responsável pela segurança e ajuda a fechar as brechas quando Augusto não estar por perto.

FALCONE é responsável pela interação da gangue com seus senhores vampiros, cuida com cautela e ajuda a fiscalizar as áreas dominadas pela família.

Prelúdio Lázaro

Infância:
Lázaro era um jovem como outro qualquer, que vivia em um maldito país monarca  espanhol, mais precisamente na Catalunha(Barcelona).
Na escola era um péssimo aluno e mesmo ante a toda rigidez da época, conseguia sobressair devido a sua maior altura e força. Era comum estar envolvido em brigas e pagar por todas elas.
Seus pais eram pobres e quando ainda jovem perdeu seu pai em um conflito interno/político e desde então passou a ser o homem da casa.
A responsabilidade lhe veio cedo, aos quatorze já tinha que levar o sustento de seus outros quatro irmãos menores e sua mãe, uma senhora do lar.
Não sabia fazer nada além de brigar e se fazer valer de sua força bruta, foi quando sem escolha procurou a igreja em busca de ajuda, mas ela lhe negou.
Deste modo, sem muita alternativa, procurou o padrinho Don Carlos Magalhães, um homem que prestava favores a sociedade, em troca de outros favores futuros. Este foi o humano que lhe inseriu na vida do crime.
Foi crescendo e ganhando fama de durão na cidade e se tornou um péssimo exemplo para seus outros quatro irmãos que lhe acompanharam neste perigoso caminho.
Aos vinte  anos já era o homem de confiança do padrinho que lhe acolhera e aos trinta já era cabeça de grupo, tendo como homens de confiança seus outros quatro irmãos mais novos. Lembra com pesar que foi exatamente neste período que sua Mãe morreu de desgosto, porém, por estar envolvido agora até o pescoço, não tinha mais como voltar atrás.

O abraço em massa:

Diário de Lázaro.

Não gosto de lembrar disso, foram períodos difíceis para mim, porém, se faz tanta questão posso lhe contar um pouco de minha história e não vida.

Tudo começou quando eu e meus irmãos contabilizavam os ganhos daquela noite, foi quando ouvimos barulho de tiro e confusão, estávamos cercados e a primeira coisa que me veio a cabeça era a polícia.

Durante meses traficava armas para os soldados revolucionários, que agiam contra o governo e a igreja, as duas entidades que mais odiava em toda minha vida. Mas grande foi minha surpresa.

Fomos arrebatados por uma estranha sombra que rapidamente cobriu a sala onde estávamos e nos asfixiaram, eu não sei qual de nós cinco foi o primeiro a cair, mas eu sei que todos caíram após alguns minutos de falta de oxigênio.

Quando acordamos estávamos amarrados, pendurados pelas mãos; eu, meus quatro irmãos e cerca de outros quinze homens.

Todos com o mesmo perfil; robustos, assassinos, periculosos. Uns reconheci como sendo inimigos declarados, outros nunca tinha visto na vida.

Após minha visão se recuperar da turvidez do lugar e meus olhos inchados de pancada e ensanguentados conseguirem captar sua essência, pude constatar que estava em uma igreja.

Uma estranha missa, uma missa satânica era desempenhada ali, enquanto homens encapuzados repetiam as falas do líder.

Ela não durou mais que 50 minutos, mas a esta altura todos se perguntavam o que seria feito conosco, porém eu e meus quatro irmãos fomos os únicos que ficaram em completo silêncio, eu não sei o que se passava em suas mentes e agora pouco importava, pois iríamos todos morrer. Enquanto era ouvido prantos e súplicas dos demais, nos mantínhamos firmes, contrariando a tudo em um mais absoluto silêncio.

Os capus foram tirados das respectivas cabeças dos ritualistas, nesse instante as mais diversas criaturas surgiram, um deles estava em um estado terminal de lepra e se dirigiu direto a meu irmão mais novo.

Cada qual escolheu sua vítima e a mim, veio o líder do estranho rito, era um homem forte, tão quanto eu, mas um pouco menor. Ele me disse: - Já faz algum tempo que te escolhi, você será o líder deste grupo e servirá a um propósito!

Neste instante escarrei em seu rosto e ele sorriu mostrando enormes presas. Eu virei meu rosto não acreditando no que via a frente. Quando olhei para o lado o leproso já estava com as presas deformadas em meu irmão mais novo, tentei me debater, mas estava pendurado por correntes grossas.

Foi quando senti em meu pescoço algo ser fincado como agulhas. Os demais a minha volta estavam em um estranho êxtase, mas eu me debatia em dor, sentia muita dor no local, como se a pele do meu pescoço estivesse sendo arrancada sem nenhuma anestesia. Um estranho frio tomou todo meu corpo enquanto sentia minha vida se perder.


Quando ressurgi estava com minha boca no pulso daquele homem, bebia algo instintivamente, era sangue e era bom, prazeroso e nutritivo, ele(O sangue) percorria todo meu corpo gelado, aquecendo aos poucos sua extensão, era algo forte e bom, como uma vitamina de abacate, mas com gosto ferroso.

Eu senti que enquanto sugava o homem ele também sentia dor e me aproveitei de cada momento até ser esbofeteado por ele e ir ao chão em um nocaute.

Outra vez acordei e estava dentro de um local escuro, após alguns golpes laterais e me debater bastante, notei que era um caixão. Estava vivo, mas agora dentro de um caixão, aquilo só podia ser uma piada de muito mal gosto.

Com alguns socos e joelhadas consegui arrebentar a parte superior da madeira, não me desesperei quando vi a terra entrando no mesmo, sabia que aquilo era parte do processo de fuga.

Tentei respirar profundamente para fugir, mas meu peito doeu e tive que expelir o ar. Estranhamente o ar se tornou um corpo estranho em meu interior e ignorei, arrebentando um pouco mais da tampa de madeira e permitindo que mais terra entrasse ali.

Movi minhas mãos em movimentos circulares, após isso foi a vez de meus braços, enquanto com as pernas e dorso, travava de fazer força para cima e me levantar de uma única vez.

Ao alcançar a superfície notei que os mesmos ritualistas de outrora vibravam, olhei para o lado e vi mais covas fechadas, fui o primeiro de todas estas a sair, vi após isso Pablo meu irmão mais novo, ele estava com uma aparência horrível e mal pude reconhecer, ele estava qual o leproso que o mordera. Neste instante lamentei profundamente, mas ele retribuiu com um sorriso e pude seguir adiante.

Não vida.

Fui explicado por alto minha atual situação e o como agora eu fazia parte de um grupo seleto que estavam acima da sociedade.

Eu nunca quis fazer parte de porra de grupo nenhum, nem mesmo fazer parte desse circo de horrores, mas após beber o sangue de todos os que foram abraçados comigo naquela noite, mais os membros que eram parte do sacerdócio sabá,  fui tomado por uma estranha fúria e vontade de lutar.

Eles disseram que já tínha uma missão e eu iria liderar aquele grupo em nome do bispo Santiago DeSota meu senhor e da sagrada igreja. Em sumo, éramos buchas de canhão que iríamos morrer pela casta episcopal.

Me senti impotente, mas tinha que fazer, não tive escolha.

Nos deram o alvo, era uma universidade estadual que abrigava revolucionários.

Lá chegando organizei o grupo que alcançou êxito após minha estratégia, eram todos trogloditas que matavam de forma atroz e aos poucos perdiam sua humanidade. Um excelente grupo de buchas de Cachão, que fazia tudo conforme o script.

Éramos chamados sempre quando precisavam de alguma limpeza e benza deus, como éramos bons nisso.

Mas foi numa destas que a casa caiu.

Os tais revolucionários se organizaram agora sobre o comando de Ferdinand e de sua cria Salvador García.

Tudo aconteceu muito rápido e fomos derrotados, os sobreviventes foram empalados e após alguns meses "limpos".

Após um certo tempo de fazer o ritual da vaulderie, foi nos dado uma chance de escolha, nos apresentado a proposta e a chance de se unir a causa.

Não precisa dizer o lado que escolhi né?
Eu, meus quatro irmãos: Pedro, Pablo, Francisco e Augusto, aceitamos nos unir a causa e após sair vitorioso de várias lutas em prol da sociedade anarquista e derrotar meu senhor e seu bando de cabeças de pá, senti que era a hora de partir.

A europa não era lugar para vampiros novos como nós,  sentimos isso após a morte de Ferdinand. Assim eu e meus iguais fomos para a América.

Nos reportávamos a salvador, mas queríamos nosso próprio espaço e independência, eu tinha minha experiência na vida do crime e sabia que podia conseguir algo frutífero para nos levantarmos. Foi então que no México, no ano de 1999 criei a força bélica mais poderosa daquele país, os "Los Zetas".

Inicialmente éramos  cinco vampiros, mas aos poucos fomos ganhando espaço e nos estabelecendo. Hoje no meu grupo somos dez, cinco ancillae e cinco neófitos, mas nossa força não está em nossa idade e sim na forma que nos estabelecemos e organizamos.

Treinamos os mais perigosos homens e fizemos deles soldados da revolução, e após algumas negociações, conseguimos nossa independência em 2010 de forma pacífica. Tive costas quentes e contei com ajuda de um velho e bom amigo (Salvador Garcia) que me ajudou nessa negociação e desmembramento. Nós temos hoje uma organização um QG, e homens e armas a disposição, todos soldados treinados para matar.

O telefonema.

A noite parecia uma outra qualquer, mas um telefonema dos estados unidos tira a paz do brujah.

Com um movimento de cabeça concordava friamente com tudo. E no fim a frase: - Ainda esta noite estarei aí.

O brujah se volta para seus irmãos.

_Senhores, péssimas notícias, o nosso irmão Salvador Garcia precisa de nós nos estados unidos. Vai ter uma reunião extraordinária esta noite e acho que pelo que ele me disse tudo tende a se complicar.

_Preparem os homens, eu vou na frente para ver do que se trata.

Nota:

Já faz cerca de cinco anos que o vampiro está nos EUA e nisso já se estabeleceu. Organizou melhor o crime do lado dos latinos e deu um novo ânimo a seus irmãos.


Força de Vontade: 7
Temporários: 7


Pontos de Sangue: 15/15






[Personagem Jogador Estuda/Treina: Vigor  1/7 Posts]

[Personagem Jogador Estuda/Treina: Potência    1/7 Posts]
avatar
NPC
Grandes Mestres
Grandes Mestres

Mensagens : 4912
Data de inscrição : 23/09/2014
Idade : 40
Localização : Porto Alegre

Re: LAZARO BUENO ALVAREZ - PC

Mensagem por NPC em Seg 2 Nov 2015 - 22:38

[Pontos de Experiência: 050]



[Experiência: 010 por Criação de Background e Ficha em 02/11/2015, 010 por Interpretação e Representação do Personagem em 25/12/2015, 060 por Presente de Natal em 25/12/2015, 011 por Interpretação e Presentação em 25/01/2016]



[Pontos Gastos: 041]



[Gastos em: 16 pontos gastos em Nível 5 de Vigor, 15 pontos gastos em Nível 4 de Rapidez em 25/12/2015, 010 gasto em Fortitude Nível 3 em 25/01/2016]



NPC
 
Representa todos os Personagens Não Jogadores do Sistema de Jogos Online!
 
Acesse os Links abaixo para acessar áreas de Interesse do Fórum

 

 
 
 


    Data/hora atual: Seg 24 Jul 2017 - 3:54