Fórum dos Presas de Prata - Jogos On-Line

Últimos assuntos

» Capitulo 1: As Sombras de Barovia
Qui 2 Mar 2017 - 22:52 por T´ssis Tor Gak

» Rolagens
Qua 22 Fev 2017 - 0:49 por Haseid Dumein

» Rolagens
Qua 22 Fev 2017 - 0:43 por Qui gon jinn

» 4a Crônica de Skundar: O Chamado para o Heroismo
Dom 19 Fev 2017 - 20:19 por Space Master

» 1a Cronica de Qui-Gonn:
Dom 19 Fev 2017 - 20:14 por Space Master

» Delegacias de Polícia de Nova York
Qua 14 Dez 2016 - 21:19 por NPC

» Hotel Warwick
Qua 14 Dez 2016 - 21:14 por NPC

» Casa de Chá de Jade
Qua 14 Dez 2016 - 21:12 por Kumiku Hayabusa

» Cabana dos Theurge da Seita do Caern do Urso
Qui 8 Dez 2016 - 22:57 por Vento Cortante

» 1a Crônica de Anouk
Qui 3 Nov 2016 - 9:53 por Space Master

» ATIVIDADE NO NARRADOR
Ter 25 Out 2016 - 22:17 por NPC

» Urru Stoneblade - PC
Seg 26 Set 2016 - 19:20 por Urru Stoneblade

» Coração do Caern - Clareira - Caern do Lobo Fenris
Qui 8 Set 2016 - 19:57 por NPC

» 3a Crônica de Dacrius: Nos limites do orgulho
Qui 8 Set 2016 - 13:02 por Space Master

» Coração do Caern - Clareira - Caern do Urso
Ter 6 Set 2016 - 22:04 por NPC

» Resumo: A Saga de Urdnot Skundar
Ter 30 Ago 2016 - 19:56 por Space Master

» Dacrius Novadek - PC
Seg 29 Ago 2016 - 18:39 por Dacrius

» Urdnot Skundar - PC
Dom 28 Ago 2016 - 0:17 por Skundar

» Resumo: A Saga do Agente Dacrius
Sab 27 Ago 2016 - 15:31 por Space Master

» Anouk - PC
Sex 26 Ago 2016 - 20:12 por Anouk

» Qui-Gon Jinn - PC
Qui 25 Ago 2016 - 16:18 por Qui gon jinn

» Tabela de Gastos de XP
Ter 23 Ago 2016 - 19:01 por Space Master

» Modelo de Ficha e Criação de Personagem
Ter 23 Ago 2016 - 19:00 por Space Master

» Arsenal: Armas e Equipamentos
Ter 23 Ago 2016 - 18:33 por Space Master

» Fatos Históricos.
Ter 23 Ago 2016 - 18:13 por Space Master

» Qualidades Novas
Ter 23 Ago 2016 - 17:40 por Space Master

» Raças Jogáveis
Ter 23 Ago 2016 - 17:35 por Space Master

» Organizações de Destaque
Ter 23 Ago 2016 - 17:01 por Space Master

» Lugares de Destaque
Ter 23 Ago 2016 - 16:58 por Space Master

» Reino Fluxo
Ter 23 Ago 2016 - 14:54 por NPC

» Caern do Central Parque - Seita Verde
Qui 18 Ago 2016 - 7:44 por NPC

» Verrikan Investigations
Ter 16 Ago 2016 - 10:15 por NPC

» Floresta de Pinheiros - Centro - Caern do Lobo Fenris
Ter 5 Jul 2016 - 23:08 por NPC

» Colmeia da Wyrm
Sex 24 Jun 2016 - 20:26 por NPC

» Central Park
Qua 18 Maio 2016 - 14:06 por NPC

» Residência de Skelter
Sex 6 Maio 2016 - 1:22 por NPC

» Chinatown de Virtual City
Sex 6 Maio 2016 - 1:15 por NPC

» Entrada do Caern do Incarna do Falcão - Floresta de Pinheiros
Seg 18 Abr 2016 - 8:28 por NPC

» Hotel Imperial Palace - Refúgio Alexander Corvinus
Qua 13 Abr 2016 - 17:57 por NPC

» Refúgio de Miliard Von Doon
Qua 13 Abr 2016 - 17:56 por NPC

Os membros mais ativos da semana

Os membros mais ativos do mês

Setembro 2017

DomSegTerQuaQuiSexSab
     12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Calendário Calendário


Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Compartilhe
avatar
Wild Master
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 59
Data de inscrição : 18/03/2015

Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por Wild Master em Seg 13 Abr 2015 - 1:05

“Summer”



O cabaret mais charmoso, aconchegante e bem frequentado do oeste do Mississipi, conta com shows noturnos todas as quartas e sexta feiras, no restante da semana, shows menores, particulares, um espetáculo para encher os olhos, acompanho de bons drinks e boa companhia. 

Um dos poucos prédios em Deadwood que não está caindo aos pedaços, constituído de dois andares, trazia na sua frente um letreiro imenso em dourado e vermelho, cores vivas, cores da paixão, da alegria. 

No andar de baixo, ficava um grande salão, com dois bares, um a esquerda e outro a direita, no final do salão, ficava o palco, com uma boa iluminação e um piano ao lado, onde sempre ficava alguém tocando, alegrando os visitantes. 

Já o andar de cima, é constituído por vários quartos, onde residiam as meninas que ali trabalhavam, bem como a dona do Cabaret, Rastro de Pólvora. Todos os quartos eram confortáveis, contavam com janelas para a circulação de ar. 

O quarto de Rastro de Pólvora, ficava isolado do restante, garantindo privacidade e acima de tudo, uma boa visão da cidade pela sua varanda.



------



Wild Master - Narrador e responsável pelos NPCs da Crônica de Velho Oeste.
avatar
John Grant
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 26
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por John Grant em Ter 14 Abr 2015 - 20:59

Entra no local empurrando as portinholas com ambas as mãos, chapéu negro na cabeça e cachimbo na boca. Toca o adorno em cumprimento a algum possível conhecido que não estivesse desmaiado sobre a própria saliva, segue até o balcão.

- Ovos mexidos e uma cerveja.

* Olha em volta, observando o movimento e busca a comum presença de Rastro de Pólvora, ou seja lá o nome escolhido para o dia em questão. Afinal, ela gostava de olhar seus negócios de perto.




Minha cidade, minhas regras. Será enforcado ao raiar do sol. Aproveite a última noite de tua desprezível vida nesta cela.
Capitão Grant, O Veredito-Implacável, Hominídeo dos Senhores das Sombras, Phillodox e Juiz do Destino.

- Xerife local -
avatar
Wild Master
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 59
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por Wild Master em Seg 20 Abr 2015 - 23:51

*Apesar da hora, o Summer já se encontrava em plena atividade. Havia música ambiente, além dos sons de risadas, conversas e todo tipo de som que ocorre quando há muitas pessoas num lugar só. A bebida, e o dinheiro, pareciam fluir livremente.*

*Quando Grant se aproxima do balcão, o barman logo lhe cumprimenta.*

-Ah... xerife! Um bom dia para o senhor!

*O gerente acorda um rapaz, um jovem negro que trabalhava na cozinha, com um pontapé.*

-Vá, prepare os ovos do xerife, do jeito que ele gosta senão eu te esfolo!

*Com o rapaz disparando para o fundo do estabelecimento, o barman serve uma pint de cerveja ao xerife, esfregando as mãos como se estivesse ansioso.*

*Até onde Grant consegue perceber, Rastro-de-Pólvora não se encontra no recinto, embora o Senhor das Sombras possa perceber seus dois seguranças no andar de cima do estabelecimento.*



Wild Master - Narrador e responsável pelos NPCs da Crônica de Velho Oeste.
avatar
Rastro de Pólvora
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 28
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por Rastro de Pólvora em Ter 21 Abr 2015 - 19:12

*Rastro vai descendo as escadas, e atrás dela, os seguranças. Como se não tivesse acontecido nada, ela passa os olhos por todos, e pára no balcão. O xerife estava ali, e não era nem de noite. Alguma coisa tinha acontecido. Mais alguma coisa. Embora o sorriso no rosto, o humor da cafetina não estava dos melhores.

Chegando perto do Xerife, passa um dedo por seu braço e senta na cadeira ao seu lado. Cruzando as pernas, solta um suspiro e olha para o gerente, que estava atrás do balcão.*


- Meu anjo, me veja um copo de água, por favor.

*Depois volta-se para Grant, com um sorriso de canto, fala calmamente.*

- Eu gosto quando vem aqui Sr. Grant, mas esse horário? Uhh, isso me deixa intrigada. Não costuma nos agraciar com seu belo rosto pela manhã. Alias, precisamos conversar.

*Pega o copo de água deixada pelo gerente e toma um gole, enquanto olha para John e da uma piscadinha.*



Rastro de Pólvora, Oviculum dos Corax.
avatar
John Grant
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 26
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por John Grant em Qua 22 Abr 2015 - 20:42

* Colocou o chapéu negro sobre o balcão e observou o trato do gerente com o rapaz negro. Ao tomar um longe gole da cerveja, comentou.

- Isso já iniciou uma guerra. Melhore seus modos, se não quiser seu traseiro chutado da mesma forma.

* O tempo passou, seus hábitos contra os escravagistas não. Mantinha-se bebendo enquanto aguardava os ovos mexidos. Notou a ausência de Rastro de Pólvora, deveria estar tratando de negócios, como faz de forma quase fanática.

Ao notar a Corax descer pelas escadas e o cumprimentar, devolve o "olá" cordialmente, erguendo o copo de cerveja, já pela metade.


- Como sempre, a razão acompanha suas palavras. Na verdade, precisamos conversar com certa urgência.

* Levanta o copo em direção  ao gerente.

- Avise ao rapaz ali que na minha cidade os Negros tem o mesmo direito que os Brancos. Em respeito a seu estabelecimento, não arrebentarei a cabeça dele contra o balcão desta vez, mas não serei tão cordial da próxima.




Minha cidade, minhas regras. Será enforcado ao raiar do sol. Aproveite a última noite de tua desprezível vida nesta cela.
Capitão Grant, O Veredito-Implacável, Hominídeo dos Senhores das Sombras, Phillodox e Juiz do Destino.

- Xerife local -
avatar
Rastro de Pólvora
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 28
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por Rastro de Pólvora em Qua 22 Abr 2015 - 20:57

- O que aconteceu aqui, Sr. Grant?

*A corax cruza os braços e olha diretamente para o gerente, assim como o xerife, era contra o escravagismo, sua família era uma das poucas que lutava pelo direito dos negros. Ela levanta-se e ergue um dos dedos, como se tivesse lembrado de algo.*

- Você me conta lá dentro o que aconteceu, depois eu acerto as coisas por aqui.

*Da um passo a caminho de seu quarto, mas pára e volta, falando com Andrew, o gerente.*

- Não quero ser incomodada, cuide das coisas até o meu retorno. Uma única exceção, se aquele índio voltar aqui, me chame imediatamente. E não o destratem.

*Vira-se para John, da uma boa olhada nele e abre um sorriso de canto.*

- Então meu bem, vamos, negócios nos esperam.

*Espera que o xerife se levante e vai para o seu escritório e quarto, uma vez mais.*



Rastro de Pólvora, Oviculum dos Corax.
avatar
John Grant
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 26
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por John Grant em Qua 22 Abr 2015 - 21:06

* Termina a cerveja com os olhos fixos no gerente. Sua expressão era dura, amedrontadora quase.

Levanta-se e bate o chapéu contra a própria perna, derrubando a poeira de DeadWood que teima em ficar sobre o acessório. Olha o gerente e conclui.


- Quando descer, quero meus ovos mexidos e mais dois. Os últimos serão para o rapaz negro que deverá ser servido por você, adicione uma cerveja.

* Caminha em direção a escada e continua falando.

- E você pagará a conta, obviamente.

* Sobe as escadas atrás de Rastro de Pólvora. A visão fazia o dia melhorar, enfim. Questionou-se sobre o tal índio, mas esperaria para falar o essencial a sós, no quarto.




Minha cidade, minhas regras. Será enforcado ao raiar do sol. Aproveite a última noite de tua desprezível vida nesta cela.
Capitão Grant, O Veredito-Implacável, Hominídeo dos Senhores das Sombras, Phillodox e Juiz do Destino.

- Xerife local -
avatar
Rastro de Pólvora
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 28
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por Rastro de Pólvora em Qua 22 Abr 2015 - 21:16

*Assim que chegam em seu quarto, abre a porta e espera que John entre, fechando-a em seguida. Caminha até a sua mesa, onde o xerife pode perceber, umas bitucas de cigarro apagadas e dois copos vazios, com um resquício de whisky.

Ela senta de forma confortável, olhando para o Senhor das Sombras, com um sorriso ameno, fala.*


- Sabe como é difícil encontrar um gerente de confiança por estas bandas? Pois então, quando acho, o maldito é um preconceituoso. Nem tudo é perfeito, nem tudo...

*Cruza os braços e olha para a janela, entreaberta. *

- O que lhe trás tão cedo hoje, meu bem?

*Seus olhos se voltam para o xerife, um ar de preocupação pode ser notado na corax.*



Rastro de Pólvora, Oviculum dos Corax.
avatar
John Grant
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 26
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por John Grant em Qua 22 Abr 2015 - 21:24

* Entra no quarto e nota os copos vazios e as bitucas de cigarro.

- O dia parece ter começado cedo por aqui também.

* Seus olhos carregavam um peso de preocupação, percebeu o mesmo no semblante de sua "companheira". Aguarda ela sentar, coloca o chapéu sobre a mesa e ao invés de sentar-se em frente a ela, se aproxima passando pela mesa, abaixa-se e beija ardentemente a boca de Rastro por longos minutos.

- Precisava disso, agora, podemos conversar.

* Se mantém de pé, com as mãos nos bolsos, observando a cidade pela janela.

- Problemas. Dos grandes e prateados. Eles me trazem tão cedo. E você? Fale-me dessa expressão preocupada a essa hora. O Whisky e o cigarro denunciam o peso da conversa.




Minha cidade, minhas regras. Será enforcado ao raiar do sol. Aproveite a última noite de tua desprezível vida nesta cela.
Capitão Grant, O Veredito-Implacável, Hominídeo dos Senhores das Sombras, Phillodox e Juiz do Destino.

- Xerife local -
avatar
Rastro de Pólvora
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 28
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por Rastro de Pólvora em Qua 22 Abr 2015 - 21:46

- O dia sempre começa cedo, mas hoje, ele praticamente madrugou a minha porta.

*Corresponde ao beijo de Grant, com uma das mãos em seu rosto e a outra segurando o seu cabelo, depois que ele se afasta, solta um suspiro e o observa bem, enquanto o mesmo olha a cidade.*

- Mesmo que tenha começado cedo e desagradável o dia, você sabe como animá-lo hahahaha.

*Ela se levanta, indo na direção de Grant, o abraça por trás e da um beijo demorado em seu pescoço, soltando-o e se apoiando na sacada.*

- Pois bem, hoje eu fui procurada por um corax. Das terras puras. Eu já andava preocupada com a situação de Deadwood e a redondeza, digo em termos de terreno umbral. Depois da visita de Pena de Chumbo, minhas preocupações só aumentaram.

*Passa os olhos pela Gema, olhando toda a sua movimentação, depois vira-se para o phillodox, de braços cruzados e encarando seus olhos.*

- Temos que fazer alguma coisa, e rápido.



Rastro de Pólvora, Oviculum dos Corax.
avatar
John Grant
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 26
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por John Grant em Qua 22 Abr 2015 - 22:10

* Responde o afago. Naquelas terras cobertas de poeira e sangue, Rastro era a única que acalmava os ânimos sempre agitados do Xerife. Ouviu sobre a visita de um outro Corax.

- Interessante...

* Aguardou todas as palavras, mantinha uma das mãos na corrente de prata que caprichosamente sai de um dos botões do colete e desce até o bolso do mesmo. Olhou nos olhos da Corax, embora desviasse a atenção para seus lábios por vezes.

- Se acreditasse em destino, diria que o desgraçado está brincando conosco. Seu melhor amigo, Swearenger, me chamou para uma conversa ao pé do ouvido e com os dedos coçando ao gatilho, logo cedo.

* Olhou em volta procurando a garrafa de Whisky.

- Para começar o filho de uma potranca é um Presas de Prata. Não bastasse, Athro. Para me animar, Ragabash.

* Achando a garrafa e servindo os dois copos, entrega um à cafetina estonteantemente bela e brinda.

- Entre a oferta de uma suposta aliança e ameaças nas entrelinhas, tocou no mesmo assunto. Na necessidade de um Caern local e na falta dos Puros. Parece que temos mesmo muito a conversar, embora eu esteja inclinado a ocupar nossas bocas de outra forma por algum tempo.




Minha cidade, minhas regras. Será enforcado ao raiar do sol. Aproveite a última noite de tua desprezível vida nesta cela.
Capitão Grant, O Veredito-Implacável, Hominídeo dos Senhores das Sombras, Phillodox e Juiz do Destino.

- Xerife local -
avatar
Rastro de Pólvora
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 28
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por Rastro de Pólvora em Qua 22 Abr 2015 - 22:30

*Ela pega o copo e brinda junto de Grant, caminhando para dentro do quarto e fechando a janela que dava para a sacada.*

- Na verdade, nunca entendi essa hierarquia louca de vocês, alguns são mais fortes? Obviamente, mas isso não lhe dá o direito de falar e mandar, porque é mais velho. Pro inferno com posto mais alto.

*Toma um longo gole do whisky, pegando outro cigarro e acendendo, enquanto se senta na mesa e deixa o copo do lado.*

- Desconfiava que ele não fosse um humano normal, mas tenho tanto 'amor' a ele, que nunca prestei muita atenção. Falha minha. Mas se ignorarmos as ameaças, a proposta é válida. Além do mais, eu não sigo as mesmas regras que vocês, qualquer coisa que não envolva força bruta, eu posso arranjar.

*Abre um sorriso cretino enquanto fica pensativa, seus olhos percorrem os braços fortes do xerife.*

- Mas, as notícias não acabam por ai, meu amor. Pena de Chumbo me disse, que antigamente existia um caern aqui. Sim, existia e ele sumiu, assim como boa parte dos espíritos, simplesmente sumiu. A umbra ta uma bagunça, muito antes da guerra, eu me orgulhava em dizer que sabia voar de olhos fechados por lá, hoje em dia, não sei o que vou encontrar pela frente. É frustrante.

Sabe como é para um corax, não saber o que encontrar pela frente? Pois é, ainda bem que tenho esses braços lindos e fortes para me ajudar quando eu tiver que ir pra lá.

*Cruza as pernas de forma sensual, enquanto toma mais um gole do whisky e bate as cinzas do cigarro.*

- Sempre podemos nos ocupar com mais de uma coisa, meu raio de sol.



Rastro de Pólvora, Oviculum dos Corax.
avatar
John Grant
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 26
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por John Grant em Qua 22 Abr 2015 - 23:12

* Após a bebida e observar Rastro fechando a janela, desabotoa o colete enquanto ouve cada palavra.

- Nossa hierarquia é baseada na força, de fato. Experiência e idade trazem força. Por mais que tenha vontade de meter uma bala em um principezinho de Gaia pomposo, seria no mínimo estupidez ignorar seu posto. Com os favores que aprendeu dos espíritos, eu mal teria tempo de alcançar minha Peacemaker.

- E no mais, um aliado filho da mãe é melhor que um inimigo filho da mãe.

* Por baixo do sempre carrancudo semblante, esboça um sorriso ao ver as belas pernas cruzadas. Caminha em direção à Corax e a abraça, beijando novamente e descendo um pouco mais. Puxa seu cabelo para trás e alonga o pescoço da mulher abrindo espaço para beijos ardentes.

- O problema da falta de um caern aqui, uma vez que havia um, é descobrirmos o que causou o fim do primeiro.

* Segura a garota pela cintura e a ergue da mesa, a beijando no processo, enquanto a mantém no ar.

- E mais, como diabos dois Corax, um Phillodox e um Ragabash vão erguer um novo caern? Precisamos de braços. Braços espirituais.

* Sem muito pudor, repousa o corpo da bela mulher em cima da mesa, deitada, e retira sua blusa. Beijando cada pedacinho daquele corpo.

- E claro, precisamos localizar o antigo caern. A energia espiritual deve estar lá e deve atrair mais que nossos narizes. Outros virão, cedo ou tarde.

* Continuou beijando e arrancando as peças de roupa, aos poucos, sem pressa. essa conversa seria interessante, realmente.

- Creio que esses problemas ainda estarão nos esperando, daqui a uns 40 minutos...

* "Arrocha" as mãos na cintura da Corax.





Minha cidade, minhas regras. Será enforcado ao raiar do sol. Aproveite a última noite de tua desprezível vida nesta cela.
Capitão Grant, O Veredito-Implacável, Hominídeo dos Senhores das Sombras, Phillodox e Juiz do Destino.

- Xerife local -
avatar
Rastro de Pólvora
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 28
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por Rastro de Pólvora em Qua 22 Abr 2015 - 23:39

*Assim que Grant a abraça, descruza as pernas, encaixando o seu corpo no dele, enquanto suas mãos ficam apoiadas em seus braços fortes. Vai correspondendo aos beijos, fechando os olhos quando sente os lábios dele em seu pescoço.*

- Tem razão, a ajuda dos espíritos deixa os mais velhos mais fortes. Mas a grande diferença entre nossas raças: um corax mais novo e mais fraco, não precisa se curvar a um mais velho e forte. Só não é sábio o desafiar. Além do mais, não temos muitas brigas internas, como vocês.

*Suas mãos vão descendo e com elas, o colete do xerife. Os carinhos ficavam cada vez mais quentes e íntimos, em meio a suspiros, a corax ergue um pouco o corpo, beijando o senhor das sombras.*

- Não sei a localização do antigo caern, mas...*Morde os lábios dele com certa força, passando a língua depois para aliviar.*...no topo das Black Hills, há um redomoinho na umbra, é um começo. O que tiver lá, pode ter causado o fim desse caern.

*Abre os olhos e começa a tirar a camisa do xerife, abrindo um sorriso malicioso, passando os dedos vagarosamente pelo torax e barriga dele.*

- Mas de fato, já conversamos sobre isso, pode esperar até agora, o que é um momento a mais?

*O puxa para si e o envolve em beijos e carinhos ardentes.*



Rastro de Pólvora, Oviculum dos Corax.
avatar
Wild Master
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 59
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por Wild Master em Qui 23 Abr 2015 - 1:02

*Uma hora depois, o dia, que havia começado cinzento e desagradável, trazia um pouco de otimismo até para o mais amargo dos corações. A manhã se aproximava do fim, e enquanto o casal relaxava e pensava em eventos passados e futuros, uma batida leve soa na porta.*



Wild Master - Narrador e responsável pelos NPCs da Crônica de Velho Oeste.
avatar
Rastro de Pólvora
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 28
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por Rastro de Pólvora em Ter 28 Abr 2015 - 20:59

*O dia estava sendo atípico, começou com vistas e visitas não tão agradáveis, mas com certeza a presença do xerife lhe trazia o bom humor rotineiro. Deitada ao lado dele, apoiava sua cabeça com uma de suas mãos, enquanto a outra brincava com o cabelo do senhor das sombras.*

- Estava com saudades ou apenas o assunto do caern lhe animou? hahahaha

*Se aproxima e da um longo beijo no xerife, se levantando quando escuta a batida na porta. Procura suas roupas e as veste, prendendo o cabelo em um coque, passa pela mesa e toma o restante do whisky que ficou em seu copo. Caminha até a porta, colocando os sapatos pelo caminho e abre apenas uma fresta, para olhar quem estava batendo.*

- Pois não?



Rastro de Pólvora, Oviculum dos Corax.
avatar
John Grant
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 26
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por John Grant em Ter 28 Abr 2015 - 21:12

* Um Presas de Prata Ragabash, a falta de um Caern, a sensação do descontrole e invasão iminente de estrangeiros em busca de ouro, e claro, de terreno espiritual. Sem dúvidas o dia teve um início desanimador.

Nada que doses de Whisky e o calor da mulher mais quente do Oeste não pudessem aplacar, ao menos até o próximo dia. Ou até a próxima batida na porta.

Retribuiu o beijo, passando um dos braços pela cintura da Corax e a "arrastando" ao encontro do seu corpo com certa e controlada força. Em seguida deixou-a atender o incômodo do momento.


- Um homem é animado pelo cheiro da pólvora fresca ou de uma bela mulher. O que posso fazer? Você tem ambos.

Levantou-se e vestiu-se, pegou o chapéu e o bateu contra as pernas limpando a poeira sempre presente em DeadWood e em seguida o colocou na cabeça, arrumando os cabelos negros para trás. Serviu-se de mais uma dose, enquanto atava o coldre com as armas na cintura e olhava de soslaio a fresta da porta.




Minha cidade, minhas regras. Será enforcado ao raiar do sol. Aproveite a última noite de tua desprezível vida nesta cela.
Capitão Grant, O Veredito-Implacável, Hominídeo dos Senhores das Sombras, Phillodox e Juiz do Destino.

- Xerife local -
avatar
Wild Master
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 59
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por Wild Master em Qua 29 Abr 2015 - 23:09

*Rastro não vê nada à sua frente na porta, apenas Andrew, o gerente, descendo as escadas apressado, como se estivesse evitando o próprio Diabo. Quando a Corax olha para baixo, vê um prato com dois ovos mexidos, feitos à perfeição.*



Wild Master - Narrador e responsável pelos NPCs da Crônica de Velho Oeste.
avatar
Rastro de Pólvora
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 28
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por Rastro de Pólvora em Qua 29 Abr 2015 - 23:50

*Ela abre mais a porta, para verificar se realmente Andrew tinha feito aquilo, vendo que ele descia apressadamente e com um certo 'terror', se abaixa em meio a risadas, pegando o prato com os ovos mexidos, fechando a porta novamente. *

- Olha, você acaba de assustar severamente o meu gerente.

*Ainda dando risada, ela pára na frente do xerife, colocando o prato sob a mesa e abraçando o senhor das sombras, os dois braços em volta de seu pescoço.*

- Quando descermos, por favor, não o amedronte ainda mais. To trabalhando essa parte do racismo nele, mas acho que surtiu efeito a sua indicação de mudança de hábito hahahaha. Mas, vamos voltar a conversar sobre o caern? Eu tava pensando em ir conferir esse redemoinho nas Black Hills, apenas não sei se avisamos ao cachorrão pulguento ali da frente ou vou sozinha, para não levantar desconfiança.



Rastro de Pólvora, Oviculum dos Corax.
avatar
John Grant
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 26
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por John Grant em Qui 30 Abr 2015 - 18:05

* Aperta os braços em volta de sua cintura, a face sempre carrancuda esboça um leve sorriso.

- Acho que ganhei ovos mexidos para o resto do ano.

* Ouve sobre o redemoinho e fica pensativo por um instante, em seguida responde, após balançar levemente a cabeça negativamente e respirar fundo.

- O pior de estar no fim do mundo, cercado por poucos infelizes, é que não é possível sequer cuspir tabaco em um beco sem que os demais fiquem sabendo. O desgraçado do Al é ardiloso, ele descobriria.


- E na nossa situação, sendo tão poucos, não podemos nos dar ao luxo de estragar uma possível aliança com um Athro por esconder algo tão simples. Vamos ao redemoinho sim, mas vamos juntos. Quem sabe o gentil senhor do outro lado da rua nos fornece algo de útil...porque veja, bela Rastro...

* Segura o queixo dela por um instante com a mão direita.

- A razão para fim do caern que existia aqui ainda pode estar por essas bandas. Devemos ser cautelosos. Concorda?




Minha cidade, minhas regras. Será enforcado ao raiar do sol. Aproveite a última noite de tua desprezível vida nesta cela.
Capitão Grant, O Veredito-Implacável, Hominídeo dos Senhores das Sombras, Phillodox e Juiz do Destino.

- Xerife local -
avatar
Rastro de Pólvora
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 28
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por Rastro de Pólvora em Qui 30 Abr 2015 - 19:41

-Se eu perder o Andrew, vou sequestrar aquele rapaz que te ajuda na carceragem, aposto que aqui ele iria se divertir mais hahahahaha.

*Mas logo o sorriso e a risada solta dão lugar a uma expressão um pouco mais séria, ter que lidar com o brutamontes do outro lado da rua era algo que desagradava severamente a corax, mas que no momento, não tinham outra escolha, e quem sabe não seria uma ótima oportunidade para melhorar a situação estranha entre ambos.*

- Queria evitar o contato com Swearenger, mas já que nos encontramos nessa situação delicada, irei resolver isso hoje, vou ao encontro do maldito Traseiro de Prata, ah, é Presa ne? Tenho que me lembrar disso na presença dele hehehe. Enfim, o grande problema vai ser em não chamar a atenção indo para as Black Hills. Atenção desnecessária.

*Abre um sorriso sarcástico enquanto pega o chapéu do senhor das sombras e coloca em sua cabeça.*

- A cafetina e o xerife sumindo da cidade ao mesmo tempo? No mínimo estranho, não acha? Bom, eu não preciso preservar minha imagem, já você...sou uma péssima influência, senhor Veredito Implacável. O que quero perguntar, vai ter algum problema para você me acompanhar até lá?



Rastro de Pólvora, Oviculum dos Corax.
avatar
John Grant
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 26
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por John Grant em Sex 1 Maio 2015 - 12:52

* Esboça um sorriso, um tanto cretino, e beija o pescoço da Corax. Em seguida caminha em direção à porta, falando no caminho.

- A mais grata recompensa de ser a Lei, é encontrar poucos corajosos o suficiente para me questionar.

* Abre a porta pega o prato com ovos mexidos, se põe a comer de pé mesmo, encostado em uma das paredes. Ergue o garfo, oferecendo à Rastro.

- Hmm...Viu? Com o jeito certo, simples ovos mexidos ficam tão bons quanto costelas na brasa. Parece que fiz um aliado cozinheiro...como é o nome do Crioulo?

- Enfim, o Xerife sempre tem assuntos fora da cidade, suprimentos, por exemplo. Não precisamos necessariamente sair da cidade juntos, nos encontramos no início das Black Hills.

- Então acho que é hora de você visitar o velho Swearenger e colocar a prosa em dia. Mantenha os inimigos por perto...é o que dizem.





Minha cidade, minhas regras. Será enforcado ao raiar do sol. Aproveite a última noite de tua desprezível vida nesta cela.
Capitão Grant, O Veredito-Implacável, Hominídeo dos Senhores das Sombras, Phillodox e Juiz do Destino.

- Xerife local -
avatar
Rastro de Pólvora
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 28
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por Rastro de Pólvora em Sab 2 Maio 2015 - 0:04

*Se contorce inteira com o beijo no pescoço, soltando um leve suspiro e indo até a penteadeira, enquanto ouvia o xerife, começava a se arrumar.*

- Oh não, muito obrigada, estou de dieta, e digamos que ovos mexidos, bom, não sou muito chegada. Mais tarde eu como alguma coisa.

*Solta o cabelo, arrumando-o, enquanto pensava sobre as palavras ali proferidas.*

- Sim meu caro, mas você sabe que ser a lei, ainda vai te custar um preço alto, não é mesmo? Não agora, mas quando essa cidade começar a receber os malditos em busca de ouro. Então, te peço cautela, ta bem?

Em relação as Black Hills, vou fazer alguns acertos aqui dentro, mas amanhã eu já poderei ir, conversarei com Al, já posterguei demais essa conversa, agora, é inevitável. Antes da minha partida eu te encontrarei lá na delegacia, para acertarmos os detalhes. Então deixe a janela do seu quarto aberta.

*Termina de se arrumar e se vira para Grant.*

- O nome do crioulo é Jeremy. Um bom rapaz, cozinha muito bem, como pode ter percebido. Mas o coitado ainda não é bem recebido pelos outros, só quando estou na presença deles. Quem sabe um dia, isso não mude, não é mesmo?



Rastro de Pólvora, Oviculum dos Corax.
avatar
John Grant
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 26
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por John Grant em Sab 9 Maio 2015 - 11:41

* Termina de se vestir e atar bem o coldre contendo as duas peacemakers.

- Problemas? Eu espero que sim...a pólvora nas minhas armas está envelhecendo.

* Aproxima-se por trás da bela garota, envolve seus braços em sua cintura uma vez mais e beija a parte de trás do pescoço, despedindo-se.

- A janela estará.

* Deixa os aposentos e desce as escadas, olhando os clientes com atenção. Nunca se sabe o que uma manhã, com bebidas, poderá trazer.




Minha cidade, minhas regras. Será enforcado ao raiar do sol. Aproveite a última noite de tua desprezível vida nesta cela.
Capitão Grant, O Veredito-Implacável, Hominídeo dos Senhores das Sombras, Phillodox e Juiz do Destino.

- Xerife local -
avatar
Rastro de Pólvora
Iniciantes
Iniciantes

Mensagens : 28
Data de inscrição : 18/03/2015

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por Rastro de Pólvora em Dom 10 Maio 2015 - 12:10

*Abre um sorriso e segura as mãos do xerife, enquanto este a abraça.*

- Problemas...se quiser, eu posso arranjar alguns pra você, é só comentar o teor deles.

*Depois que o Senhor das Sombras deixa o quarto, ela senta na cadeira e acende um cigarro, deveria conversar com Swearenger, antes, iria relaxar um momento a mais. Bem devagar, ela traga o cigarro, e após esse momento, ela tranca a porta e vai descendo devagar, indo na direção do gerente, Andrew. *

- Andrew, meu bem, me ausentarei do Summer por uns momentos, na minha volta, teremos que conversar, esta bem?

*Ela acena com a cabeça para ele e abre um sorriso, indo em direção a Gemma.*




Rastro de Pólvora, Oviculum dos Corax.

Conteúdo patrocinado

Re: Summer - Bar e casa de tolerância para trabalhadores cansados em busca de companhia

Mensagem por Conteúdo patrocinado


    Data/hora atual: Dom 24 Set 2017 - 14:47