Fórum dos Presas de Prata - Jogos On-Line

Últimos assuntos

» Capitulo 1: As Sombras de Barovia
Qui 2 Mar 2017 - 22:52 por T´ssis Tor Gak

» Rolagens
Qua 22 Fev 2017 - 0:49 por Haseid Dumein

» Rolagens
Qua 22 Fev 2017 - 0:43 por Qui gon jinn

» 4a Crônica de Skundar: O Chamado para o Heroismo
Dom 19 Fev 2017 - 20:19 por Space Master

» 1a Cronica de Qui-Gonn:
Dom 19 Fev 2017 - 20:14 por Space Master

» Delegacias de Polícia de Nova York
Qua 14 Dez 2016 - 21:19 por NPC

» Hotel Warwick
Qua 14 Dez 2016 - 21:14 por NPC

» Casa de Chá de Jade
Qua 14 Dez 2016 - 21:12 por Kumiku Hayabusa

» Cabana dos Theurge da Seita do Caern do Urso
Qui 8 Dez 2016 - 22:57 por Vento Cortante

» 1a Crônica de Anouk
Qui 3 Nov 2016 - 9:53 por Space Master

» ATIVIDADE NO NARRADOR
Ter 25 Out 2016 - 22:17 por NPC

» Urru Stoneblade - PC
Seg 26 Set 2016 - 19:20 por Urru Stoneblade

» Coração do Caern - Clareira - Caern do Lobo Fenris
Qui 8 Set 2016 - 19:57 por NPC

» 3a Crônica de Dacrius: Nos limites do orgulho
Qui 8 Set 2016 - 13:02 por Space Master

» Coração do Caern - Clareira - Caern do Urso
Ter 6 Set 2016 - 22:04 por NPC

» Resumo: A Saga de Urdnot Skundar
Ter 30 Ago 2016 - 19:56 por Space Master

» Dacrius Novadek - PC
Seg 29 Ago 2016 - 18:39 por Dacrius

» Urdnot Skundar - PC
Dom 28 Ago 2016 - 0:17 por Skundar

» Resumo: A Saga do Agente Dacrius
Sab 27 Ago 2016 - 15:31 por Space Master

» Anouk - PC
Sex 26 Ago 2016 - 20:12 por Anouk

» Qui-Gon Jinn - PC
Qui 25 Ago 2016 - 16:18 por Qui gon jinn

» Tabela de Gastos de XP
Ter 23 Ago 2016 - 19:01 por Space Master

» Modelo de Ficha e Criação de Personagem
Ter 23 Ago 2016 - 19:00 por Space Master

» Arsenal: Armas e Equipamentos
Ter 23 Ago 2016 - 18:33 por Space Master

» Fatos Históricos.
Ter 23 Ago 2016 - 18:13 por Space Master

» Qualidades Novas
Ter 23 Ago 2016 - 17:40 por Space Master

» Raças Jogáveis
Ter 23 Ago 2016 - 17:35 por Space Master

» Organizações de Destaque
Ter 23 Ago 2016 - 17:01 por Space Master

» Lugares de Destaque
Ter 23 Ago 2016 - 16:58 por Space Master

» Reino Fluxo
Ter 23 Ago 2016 - 14:54 por NPC

» Caern do Central Parque - Seita Verde
Qui 18 Ago 2016 - 7:44 por NPC

» Verrikan Investigations
Ter 16 Ago 2016 - 10:15 por NPC

» Floresta de Pinheiros - Centro - Caern do Lobo Fenris
Ter 5 Jul 2016 - 23:08 por NPC

» Colmeia da Wyrm
Sex 24 Jun 2016 - 20:26 por NPC

» Central Park
Qua 18 Maio 2016 - 14:06 por NPC

» Residência de Skelter
Sex 6 Maio 2016 - 1:22 por NPC

» Chinatown de Virtual City
Sex 6 Maio 2016 - 1:15 por NPC

» Entrada do Caern do Incarna do Falcão - Floresta de Pinheiros
Seg 18 Abr 2016 - 8:28 por NPC

» Hotel Imperial Palace - Refúgio Alexander Corvinus
Qua 13 Abr 2016 - 17:57 por NPC

» Refúgio de Miliard Von Doon
Qua 13 Abr 2016 - 17:56 por NPC

Os membros mais ativos da semana

Os membros mais ativos do mês

Dezembro 2017

DomSegTerQuaQuiSexSab
     12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31      

Calendário Calendário


Anthony Uivo-do-Trovão - PC

Compartilhe
avatar
Anthony Uivo-do-Trovão
Intermediários
Intermediários

Mensagens : 112
Data de inscrição : 08/03/2015

Anthony Uivo-do-Trovão - PC

Mensagem por Anthony Uivo-do-Trovão em Seg 6 Abr 2015 - 21:58

Nome Humano ou de Lobo: Anthony Wolf  “Uivo-do-Trovão”
Raça: Hominídeo
Augúrio: Ahroun
Tribo: Senhores das Sombras
Conceito: Nobre
Natureza: Predador
Comportamento: Diretor
Campo: Senhores do Cume
Sociedade Secreta: A Sociedade de Nidhog


.....................................Tamanho..................Peso
Hominídeo:
Glabro:
Crinos:
Hispo:
Lupino:

Atributos:

- Físicos (3)
Força: 2
Destreza: 2
Vigor: 2

*Em Glabro:
Força: (+2): 4
Destreza: 2
Vigor: (+2): 4

*Em Crinos:
Força: (+4): 6
Destreza: (+1): 3
Vigor: (+3): 5

*Em Hispo:
Força: (+3): 5
Destreza: (+2): 4
Vigor: (+3): 5

*Em Lupus
Força: (+1): 3
Destreza: (+2): 4
Vigor: (+2): 4


-Sociais (5)
Carisma: 2
Manipulação: 4 (Lógica Inabalável)
Aparência: 2

-Mentais (7)
Percepção: 2
Inteligência: 4 (Cultura Geral)
Raciocínio: 4 (Sangue-Frio)


Habilidades
- Talentos (9)
Prontidão: 1
Esportes: 1
Expressão: 1
Briga: 5
Esquiva:
Empatia:
Interpretação:
Intimidação: 4
Instinto Primitivo: 1
Manha:
Lábia: 1
Crime:
Intriga: 1
Representação:
Previsão do Tempo:
Procura:
Imitação:
Prospecção:
Mendicância:
Instrução:
Natação:
Ventriloquismo:


- Perícias (5)
Empatia c/ animais: 1
Ofícios:
Arqueirismo: 1
Etiqueta: 1
Artesanato:
Liderança: 1
Armas Brancas: 3
Performance:
Cavalgar: 1
Furtividade:
Sobrevivência:
Carpintaria:
Culinária:
Navegação:
Fabricação de Flechas:
Herborismo:
Caçada:
Ferraria:
Tecelagem:
Kailindô:
Duelo de Klaives:
Meditação: 1
Armadilhas:
Disfarce:
Escapologia:
Hipnotismo:

- Conhecimentos (13)
Conhecimento de Área: 1
Linguagem de Sinais:
Venenos:
Instrução: 3
Enigmas:
Investigação:
Linguística: 2 (francês, turco)
Medicina:
Ocultismo: 1
Política: 2
Rituais: 1
Ciências:
Sabedoria Popular:
Cosmologia: 2
Cultura Garou: 2
Cultura Espiritual: 1
Cultura Cainita: 3

Antecedentes (5)
Ancestrais: 2
Recursos: 5
Aliados:
Contatos: 4 (4 contatos importantes, vários menores)
Totem:
Fetiche:
Ritos:
Parentes: 4
Raça Pura: 4
Vidas Passadas:
Prestígio: 4
Herança Espiritual (elementais): 4
Profecia: 4
Numen: 4

Dons (3)
Dons de Cliath:
- Persuasão
- Garras Afiadas
- Capturar Sussurros

Dons de Fostern:

Dons de Adren:

Dons de Athro:

Dons de Ancião:

Pequenos Rituais:

Rituais de nível 1:


Rituais de nível 2:


Rituais de nível 3:


Rituais de nível 4:


Rituais de nível 5:


Cicatrizes de Batalha:



Qualidades:
- Nobreza (3 pontos)
- Aliado Vampírico (4 pontos) – Tzimisce
-Ultra-flexibilidade nas Juntas (1 ponto)  (dif -2)
- Equilíbrio Perfeito (1 ponto) (dif -2)
- Visão Lupina (1 ponto) (1d extra em Percepção a noite)
- Sentidos Aguçados (3 pontos) (dif -2) (Audição, Olfato, Visão)


Defeitos:
- Estritamente Carnívoro (1 ponto)
- Ódio (3 pontos) – Impuros
- Inimigo (3 pontos) – Dançarinos da Espiral Negra




Fetiche:
Nível :
Descrição do Item:
Fonte:




Fúria:  5
Temporário:

Gnose:  3
Temporário:

Força de Vontade: 5
Temporário:


Posto: Cliath
Renome:
Glória: 2
Temporários: 0
Honra: 1
Temporários: 0
Sabedoria: 0
Temporários: 0



* Fraqueza Tribal:


* Cargos na Seita:



Pertences:



Anthony Wolf, Uivo-do-Trovão - Hominídeo - Ahroun - Senhor das Sombras - Senhores do Cume - Sociedade de Nidhog - Cliath.

avatar
Anthony Uivo-do-Trovão
Intermediários
Intermediários

Mensagens : 112
Data de inscrição : 08/03/2015

Re: Anthony Uivo-do-Trovão - PC

Mensagem por Anthony Uivo-do-Trovão em Seg 6 Abr 2015 - 22:01

Ano de 1252 – Inglaterra

A Lua Cheia estava pairando no ceu.
Corpos se movimentavam de um lado a outro, enquanto sussurros ecoavam pelos cantos do Castelo da antiga família Wolf.
August Rochfeller Wolf, poderoso nobre inglês, vivia um misto de apreensão e felicidade, salpicado por preocupação.
Enquanto sua esposa se encontrava em processo de parto, no quartão não muito longe dali, o aristocrata estava diante de uma figura misteriosa e, porque não dizer, sinistra.

O convidado inesperado circulava pelo salão, segurando uma doce taça de vinho.
- O destino dele será o destino de nosso sangue.  Ele será o herdeiro, e não apenas do nome Wolf. A própria Gaia esta a zelar por ele. – Disse o forasteiro antes de entornar um gole.
- Eu entendo. – Dizia o Barão, tentando compreender o que estava a ouvir.
Os olhos do homem misterioso fitam o nobre. Há uma expressão da mais profunda seriedade em seu olhar. Se aproxima, relaxando a mão sobre os ombros de August.
- Filho de nosso pai, sangue de meu sangue. Ouça minhas palavras. Um dia, a Britânia conhecerá o nome dos Wolf, e será a próxima geração que irá garantir que se cumpra.
Nesse instante, um choro cruza as paredes do Castelo. August não deixa de esboçar um sorriso de felicidade pelo nascimento de seu único herdeiro homem.
O outro acompanha com um sorriso. A glória de sua Tribo viria em breve.

Ano de 1263

O jovem Anthony, com seus 11 anos, acompanhava o pai, enquanto este lhe falava, pelos corredores do Castelo.
- Meu filho, um dia, irei partir para junto de Nosso Senhor. Assim fez sua amada mãe.
- Pai... – preparava a objeção.
- Escute. Com atenção. Quando me for, assumirá meu Nome e o Título de Barão. Todas as nossas terras lhe pertencerão. Assim como os cuidados de suas irmãs, Elizabeth e Margareth.
Pai e filho desciam uma das longas escadarias, até uma modesta sala. Ali haviam alguns papéis e anotações. August então move um grande pedaço de rocha, revelando ao herdeiro uma passagem secreta.
- Siga-me, Anthony.
O jovem o fez, sem recuar. Uma câmara escura, que logo era iluminada por tochas, trazendo a tona estranhos escritos talhados por toda a parede, bem como pilhas de pergaminhos e alguns livros.
- Filho, aqui está guardado alguns dos principais segredos de nossa linhagem. Quando a hora chegar, tudo o que precisará estará aqui.
O barão sorri para o filho, com ternura.


Ano de 1268

Anthony perseguia a caça, montado em seu cavalo, sob a mesma Lua de seu nascimento. Com seus 16 anos, considerava este um esporte prazeroso.
Embrenhava-se nas matas ao redor do feudo, indo mais e mais a fundo em busca do veado que acabara de perder de vista. O arco e flecha preparados. Dando ordem ao cavalo para estancar, apontava e direcionava sua mira, tentando encontrar o desafortunado animal, quando um som interrompeu.
Era como se algo grande, talvez um urso, estivesse se aproximando. Era um urro descomunal. O herdeiro Wolf titubeou, e tentou iniciar um retorno rápido para fugir, mas fora em vão. Um imenso predador surgiu em meio às árvores e golpeou o cavalo. Anthony, ao se levantar, mal pode verificar que o que o atacara estava se alimentando de sua montaria, quando tudo apagou.
Dois dias depois, o rapaz abria seus olhos, assustado. Se encontrava em uma cama, dentro de um local que se assemelhava a uma cabana. Eis que um conhecida adentra, sorrindo amigavelmente.
- Anthony, filho de meu estimado irmão.
Era seu tio, John Wolf, que ocasionalmente aparecia lhes visitar, mas de quem seu pai sempre mantivera mistério.


Ano de 1270
Anthony Wolf passara por tantos acontecimentos nos últimos dois. Descobrira verdades que nunca imaginaria.
A primeira, é que era um Lobisomem, um Garou, um Guerreiro de Gaia. Não tivera dificuldade em assimilar a cultura e a mitologia de seu povo. Sua educação sempre fora “diferente” e aberta, apesar dos ensinamentos do pai para que mantivesse isso em sigilo, especialmente diante da Igreja.
A segunda, é que não era qualquer Garou. Segundo seu tio John, Anthony carregava sobre si uma Profecia que repercutia por diversas seitas e caerns das terras britânicas. Os espíritos diziam que o descendente dos Wolf portava a chave para um Grande Evento que seria determinante para os Garou de toda a Europa, bem como de sua Tribo.
Os Anciões repetiam, e todos aqueles cuja luta por Gaia já se prolongava há anos conheciam:

“Nas Terras do Norte
Virá o Filho do Lobo
E este nascerá sob o Auspício da Morte
E trará grandes mudanças ao Todo
Aos longínquos Sul e Leste
Um dia seu nome será conhecido
E até mesmo entre os povos do Oeste
Não passará desapercebido
Aquele que terá a Benção da Sorte
Conhecedor dos Mistérios do Mundo
Linhagem daqueles de Grande Porte
Que esmagará o Impuro
Incompreendido, fanático?
Sobre o Povo, senhor?
Sob o luar, lunático?
Sobre os outros, conquistador?
Sangue e guerra
Mentiras e verdades
Leal a Mãe Terra
Ou servo das maldades?
Caído, será reerguido?
No alto, rebaixado?
Cima ou baixo
Subindo, cabisbaixo
As Sombras que o acompanham
Serão diferentes daquelas que o difamam
Grande Glória a ele chegará
Ou queda antes do fim verá”



Anthony Wolf era descendente de uma das mais antigas e poderosas linhagens dos Senhores das Sombras. Um dos seus ancestrais, Domador-de-Raios, fora um poderoso Theurge que controlara e aprisionara poderosos espíritos descontrolados da Tríade. Outro, como Garras-Sombrias, teria sido um Ragabash que atuara com perspicácia na Guerra da Fúria. Por fim, mais recentemente, Dama-da-Tempestade tinha sido uma potente Philodox, cuja influência na Tribo nas Ilhas Britânicas era inegável, bem como entre todos os Garou, por sua postura impiedosa.
John explicou que a Tribo dos Senhores das Sombras acreditava que Anthony traria muitas vitórias, apesar de não saberem com exatidão em que ou como isso se dará. Devido a isso, quando nascera, seu tio fizera um poderoso pacto com espíritos do Avô Trovão. Um dos Corvos da Tempestade, Jaggling, passara então a acompanhar o jovem Wolf, sempre sendo uma presença invisível mas ali, pronta para ajudar o lobisomem.
A criatura que o atacara durante a caçada havia sido um Dançarino da Espiral Negra, que fugira frente ao Crinos em frenesi, que logo fora encontrado por seu tio e outros.
O jovem Wolf passara um tempo convivendo com uma Seita de Senhores das Sombras que possuía proximidades com um Caern, em Bristol. Permanecera lá por um bom tempo. Nesse período, é iniciado pelo tio no Campo Senhores do Cume.
Várias buscas na área foram feitas para encontrar o lobisomem corrupto mas, sem resultados, concluiu-se que tivesse partido.


Ano de 1271


As Cruzadas tem início. Anthony vê nelas uma oportunidade para conquistar vantagens e renome para a Família Wolf. A Seita, obviamente, rejeitara a proposta. Não permitiriam que o jovem prodígio de sua Tribo partisse para uma guerra dos humanos.
Foi quando eles foram atacados em sua própria terra. Primeiro, começou com várias aparições de Fomori nas redondezas, atacando os camponeses. Algumas semanas depois, Malditos cercaram e feriram mortalmente um dos Senhores das Sombras. Então, exatos um mês depois, dezenas de Fomori iniciaram um ataque na região, que se transformou em uma guerra aberta.
As forças da Wyrm atacavam repetidamente, mas seus ataques eram repelidos. Foi então que chegara uma trágica notícia. Um pouco distante dali, uma Seita dos Fianna, havia sucumbido perante o ataque de um poderoso espírito da Devoradora. Vários Garou mortos.
Os Theurges da Tribo informaram que uma entidade sombria muito poderosa se erguia. Não se sabia o motivo, mas os Anciões da Tribo entenderam que havia algo sinistro por trás de tudo. John Wolf concluiu, então, ser válido permitir a partida do sobrinho para longe dali. Anthony Wolf assim partiu para a Guerra Santa.


Ano de 1272 – Oriente Médio

Dois anos de batalhas se passaram, até que a guerra tem fim, sem avanços. Anthony se enfurecera pelo ocorrido.
Ele e outros Garou ingleses, majoritariamente Fianna e Crias de Fenris, combateram com violência as forças maometanas. Os exércitos de Allah possuíam suas surpresas: além de vampiros especialistas em assassinatos e alguns bruxos ocasionais, a guarda real do Sultão era formada por Peregrinos Silenciosos.
Os combates entre Garou, quando ocorriam, eram sempre com algum mínimo de respeito. Haviam aqueles que lamentavam a situação, mas a grande maioria se entregava com furor na batalha. Anthony, juntamente com um Cria, conseguiram matar um dos lobisomens infiéis. Mesmo com o infeliz desfecho, ensinaram aos lobisomens das terras desérticas o poder e fúria dos ingleses.
Recebendo notícias por carta de seu tio, fora informado que as terras natais se transformaram em um campo de batalha. Com muito esforço, uma parceria entre Seitas das Tribos Senhores das Sombras, Fianna e Garras Vermelhas, com uma assistência ocasional dos Sentinelas, derrotou as forças Fomori e baniram as legiões de Malditos da região. O tio convocava o sobrinho a retornar, mas não obtivera respostas.

Ano de 1274 – Gênova, Itália

Anthony estava na península itálica. Se sentia em um dos centros do mundo, e relutava em retornar às terras natais.
O mundo feudal às vezes lhe soava como “ultrapassado” frente às maravilhas da cidade. Aprendera logo cedo que possuía algum tipo de proximidade para com espíritos elementais. Fogo, água, terra, ar. Espíritos diversos iam ao encontro do Garou, curiosos. Logo, muitos se tornavam poderosos aliados. O conhecimento do jovem nobre se desenvolvia em meio a um povo tão distinto. Apesar de às vezes ter dificuldade na língua, conseguia lidar o suficiente, ainda mais com o francês que sabia e as aulas de latim.
O Garou estava com seus 22 anos, e estava gostando de experimentar um mundo diferente.
Eis que uma bela noite, é surpreendido por seu John. Seu tio fora encontra-lo na Itália.
Mas não estava irritado. John Wolf possuía mais segredos para ensinar o sobrinho.


Ano de 1276

John acabara de partir. Necessitava ir para o Leste, as terras ancestrais da Tribo. Assuntos urgentes, fora tudo o que disse.
Mas nos anos que passaram juntos na Itália, Anthony aprendera ensinamentos secretos, uma velha tradição de seus antepassados, uma organização secreta mantida dentro de sua Tribo.
A Sociedade de Nidhog.
Seu tio era membro dela, assim como os ancestrais. Com seus ensinamentos, Anthony desenvolvia uma visão peculiar e curiosa a respeito de Gaia, da Tríade e do mundo.
Antes de partir, lhe disse:
- Cedo ou tarde, seu pai e meu irmão, morrerá. Sabe disso, não sabe?
- Todos morreremos, não?
- Você está pronto para assumir seu destino?
Anthony ponderava, após tudo que aprendera nesses anos.
-Farei o que é preciso. Sim, se é a resposta que deseja ouvir, meu tio.
- Nos veremos de novo, garoto. Retorne, e honre todos nós.
E diz entregando ao sobrinho uma carta.
- Aqui estão todas as informações necessárias sobre o que fazer. Contatos, Parentes de nossa Tribo, algumas “alianças” que forjei na região. Há mais alguns segredos necessários, que irão ajuda-lo a completar seus ensinamentos.
John Wolf sorri.
- Foi capaz de sobreviver, ainda Cliath, a uma guerra. Mesmo com todas as ameaças, ficara vivo. Começara honrando bem a nossa Tribo, nosso Campo e nossa Sociedade. Mas não me desobedeça de novo, entendido?
- Sim...mas por que nunca me responde o motivo de ter permitido que eu parta? O que havia despertado que precisavam que eu fosse embora, ainda que para uma guerra?
John olhou no fundo dos olhos de Anthony, e disse:
- Espero que nunca precise obter essa resposta.
O Garou aprofundava seus estudos e suas reflexões.
“O que é a Tríade? As três forças do Equilíbrio. A Wyrm não é má. Ela é parte dos alicerces da realidade.
Os Malditos não devem ser todos destruídos, da mesma forma que não se deve acabar com todos os espíritos da Wyld ou da Weaver. Todos podem e devem ser controlados quando convir, tal como usados quando necessários.
Gaia nos criou para manter o controle. Preservar a Ordem. Com rigidez, Hierarquia. Se Vampiros ou Fomori crescerem em demasia, se intervém para regular seu número, assim como se deve fazer com espíritos e criaturas do restante da Tríade.
O Impergium era o ideal, e é um dever reconstruí-lo. Apenas com o poder total para os Garou, é possível preservar a Ordem de Gaia. E os Garou precisam estar sob total controle dos Senhores das Sombras.
A Sociedade de Nidhog era a única que entendia isso. Por que não lidar com as forças da Wyrm como se lida com as outras? Os Lobisomens são guardiões da ordem, não como os cruzados humanos em guerra contra um Diabo próprio.
Os Dançarinos da Espiral Negra, por outro lado, eram uma aberração. Perderam o controle sob o seu papel e se tornaram vermes ensandecidos. Felizmente, são uma minoria de ratos traidores, e por isso devem ser mortos rapidamente para que não ofendam a Mãe Gaia com sua presença.
Os Feras possuem seu lugar no mundo, desde que compreendam que este é abaixo da Hierarquia. Para a Ordem ser preservada, os Guerreiros devem estar no poder. Assim o é até na sociedade dos humanos, assim o é entre os Lobos, assim deve ser entre os Garou.”


Ano de 1277

As previsões se concretizaram antes das demais. August Wolf estava doente, e Anthony precisava voltar e retomar seu lugar, como Barão.
Arrumava suas provisões, e o espírito do Corvo lhe visita.
- Enfim, à casa retorna o bom filho?
- Aguardava por isso?
O Corvo solta um granido.
- Há algo a me dizer?
- Os seus lhe aguardam, Jovem Wolf.
- Meus?
- Planos. Em andamento. Sua Tribo. Não se perca.
O Corvo parte e some.
A carta de John era grande e detalhada. Havia um vampiro, Melkor. Ele estava em guerra contra outros mortos vivos na região e, segundo o tio, tinha conhecimentos importantes, bem como influência necessária para ser um bom aliado do Wolf.
A Carta ainda lhe indicava os Garou da região, como se dispunham as forças políticas humanas ou não, e algumas direções a se tomar.
Haviam algumas peças fundamentais. Até que retornasse, o tio indicara um outro Senhor das Sombras, Edgar Sombra-Mortal, um Galliard e membro da Sociedade de Nidhog, que o acompanharia e fiscalizaria seu desenvolvimento.

A carta lhe indicava os primeiros passos de uma conspiração. A Sociedade de Nidhog era secreta, e ninguém mais além de seus membros devem saber de sua existência. Todavia, isso não lhes impedia de estender seus olhares para possíveis aliados. John lhe deixara informado sobre forças entre os Guerreiros de Gaia, com as quais poderia contar.
Anthony se preparava para ingressar no navio. Sua Tribo o aguardava nas terras inglesas. Os jogos de lágrimas e sangue estavam recomeçando.

Que Gaia tenha piedade de nossos inimigos.



Anthony Wolf, Uivo-do-Trovão - Hominídeo - Ahroun - Senhor das Sombras - Senhores do Cume - Sociedade de Nidhog - Cliath.

avatar
Dark Master
Veteranos
Veteranos

Mensagens : 356
Data de inscrição : 03/03/2015

Re: Anthony Uivo-do-Trovão - PC

Mensagem por Dark Master em Seg 6 Abr 2015 - 22:20

Ficha em conformidade com as regras de criação de personagem do cenário Dark Ages. Aprovada.

Experiência adquirida: 10 pts por criação da ficha e início do prelúdio jogável.



Interpreta todos os personagens não-jogadores do cenário Dark Ages
Visualize os links abaixo para a melhor compreensão do jogo.





Conteúdo patrocinado

Re: Anthony Uivo-do-Trovão - PC

Mensagem por Conteúdo patrocinado


    Data/hora atual: Qui 14 Dez 2017 - 18:44